Principais cuidados para quem quer criar pássaros em casa

Assim como todos os animais, os pássaros não gostam de ficar isolados e, se forem privados desse convívio, eles podem ficar agitados, se recusar a comer e adoecer. Por isso, deixe a gaiola nos cômodos mais frequentados da casa, mas em locais seguros.

Quando pensamos em ter um animal de estimação, logo nos vem à mente cães e gatos, não é mesmo? Mas, existem outras opções de pets que podem conquistar o coração dos apaixonados por animais. Os pássaros, por exemplo, trazem muita alegria para a casa com seu canto, seu jeito delicado e as cores alegres de suas penas. E se você gosta de aves, confira os cuidados principais para quem quer criar pássaros em casa:

Higiene da gaiola

A gaiola, os poleiros, os comedouros e bebedouros de seu passarinho devem ser limpos com frequência para evitar que a sujeira (fezes, urina e resto de alimentos) deixe seu animalzinho doente (como a contaminação por fungos) e desconfortável.

A limpeza deve ser realizada quando a gaiola estiver muito suja. Quem observará esse tempo é você, já que disso dependem fatores como o tipo de pássaro criado, o tamanho da gaiola ou viveiro e a quantidade de passarinhos convivendo junto. Mas é importante que seja realizada pelo menos uma limpeza semanal.

Água e alimentação

Troque a água da gaiola todos os dias e prefira oferecer aos pássaros água filtrada e fresca. Em dias muito quentes a água pode ficar morna, mesmo se não ficar ao sol, nesse caso, troque-a imediatamente, pois água quente pode causar diarreia no passarinho. E não se esqueça de lavar o bebedouro a cada nova troca, pois é comum formar-se neste local um lodo esverdeado.

Dê ao seu pássaro os alimentos que forem indicados para a espécie. Em grandes casas de aves e pet shops há rações e sementes trazendo as raças indicadas no rótulo. Fique atento aos alimentos caseiros como ovo cozido, frutas, verduras e legumes. Eles devem ser oferecidos e retirados no mesmo dia (se sobrarem), pois se estragam com facilidade.

Sol, vento e banho

Os pássaros adoram sol, mas só devem ficar expostos quando não estiver muito quente, portanto, prefira que tomem sol nas primeiras horas da manhã ou final da tarde e só por alguns minutos.

Evite deixá-lo em locais com muito vento, pois as correntes de vento causam doenças respiratórias nos pássaros. Assim, em dias frios ou com excesso de vento, deixe a gaiola em local protegido ou cubra parcialmente.

Os passarinhos gostam bastante de tomar banho, por isso, coloque diariamente uma banheira com água fresca e deixe que ele decida se quer ou não se banhar.

Convivência familiar

Assim como todos os animais, os pássaros não gostam de ficar isolados e, se forem privados desse convívio, eles podem ficar agitados, se recusar a comer e adoecer. Por isso, deixe a gaiola nos cômodos mais frequentados da casa, mas em locais seguros.

Se o pássaro puder ficar fora da gaiola, como as calopsitas e os agapones mansos, lembre-se de que toda ave é muito delicada. Assim, tome cuidado para não pisar ou sentar sobre o bichinho – as crianças também devem ser avisadas sobre isso. Além disso, se tiver gatos ou cachorros em casa, só deixe as aves na presença deles quando tiver certeza absoluta de que os passarinhos estarão seguros e sempre sob sua supervisão.

Consultas ao veterinário

Além de todos os cuidados essenciais para criar pássaros, é muito importante levar seu pássaro ao veterinário para uma visita assim que ele for para sua casa. O médico dos animais observará a saúde do seu pet e passará várias instruções importantes sobre alimentação específica para a espécie, sobre a necessidade de dar vermífugos e vitaminas e de quanto em quanto tempo esses e outros cuidados devem ser realizados.

A Clínica Veterinária Da Vinci possui uma equipe altamente especializada e experiente em uma variedade de outros animais de estimação, como os animais silvestres. Agende um horário pelo site ou pelo telefone: (41) 3016-2606 e WhatsApp: (41) 99663-0331.

Traga seu pet para a Veterinária Da Vinci, Clínica Veterinária 24 horas em Curitiba.

Vacinas, banho e tosa, castração. Plantão 24 horas para emergências veterinárias, com cirurgia em cães e gatos e internamento para cães e gatos com acompanhamento.

Fone: (41) 3016-2606

Rua Tapajós, 260, Curitiba/PR

Temos Leva e Traz.


Se preferir, entre em contato conosco pelo formulário abaixo: