Por que a vacina Antirrábica é importante?

Vacinar contra a raiva, além de salvar a vida de seu animal de estimação, pode salvar a sua também.

A raiva é uma doença cada vez mais incomum, mas é fato que ela ainda está presente, causando preocupação nos donos de cães e gatos. Trata-se de uma zoonose, ou seja, os animais transmitem a doença ao homem, portanto, é motivo de mais preocupação ainda.

Um dos fatores, que a raiva é transmitida pela saliva dos animais, e esta é uma das principais formas de demonstração de carinho de nossos cães e gatos. O número de casos da doença tem diminuído graças às inúmeras campanhas que são realizadas, fazendo com que os animais domésticos  estejam mais imunes. Mas, como sabemos, o número de animais de rua é muito alto.

A única forma de prevenção desta doença que não tem cura é a vacina antirrábica. 99,9% dos animais infectados vão a óbito. 

Como a raiva é transmitida?

A forma de infecção ocorre através da saliva do animal. Geralmente isso ocorre através da mordida. E não são apenas os cães e gatos que transmitem a doença, mas qualquer mamífero.

No Brasil, é muito comum a transmissão ocorrer através de morcegos.

Sintomas da raiva

Os sintomas se diferenciam um pouco no caso dos cães e gatos, embora, alguns desses sintomas sejam comuns em ambos. Nos cães, podemos observar cólicas, vômitos, hemorragia nos órgãos internos, salivação excessiva, visível isolamento do cão, muita agressividades, podendo o cão atacar o seu próprio dono, e anorexia, já que o animal tem muita dificuldade para se alimentar.

Nos gatos também, é possível observar casos de agressividade, falta de apetite e salivação excessiva. Os felinos ainda têm sintomas como febre.

O grande problema dos sintomas nos gatos é que, ao contrário do que acontece com os cães, os sintomas iniciais são praticamente imperceptíveis, mostrando sinais somente após algum tempo.

Como se sabe, a raiva é fatal em quase 100% dos casos. Um cão que contraia a raiva, tem apenas 03 dias de vida. Já os gatos, vivem no máximo 10 dias.

A importância da vacina

A única forma de prevenção é a vacina antirrábica. 

Não importa se é cão ou gato, a vacina é muito importante e deve ser feita no animal ainda filhote. Devemos ainda lembrar que, ao tomar a vacina, seu bichinho de estimação só estará imune após 21 dias. Portanto, é essencial que você mantenha-o afastado de outros animais.

A Clínica Veterinária Da Vinci, tem trabalhado cada dia mais no bem estar de seu animal de estimação. E através do sistema leva e traz você poderá vacinar seu amigão sem maiores preocupações.

Conheça este e outros serviços oferecidos pela clínica através do site www.veterinariadavinci.com.br ou pelos telefones: (41) 3016-2606  /  (41) 99663-0331.

Traga seu pet para a Veterinária Da Vinci, Clínica Veterinária 24 horas em Curitiba.

Vacinas, banho e tosa, castração. Plantão 24 horas para emergências veterinárias, com cirurgia em cães e gatos e internamento para cães e gatos com acompanhamento.

Fone: (41) 3016-2606

Rua Tapajós, 260, Curitiba/PR

Temos Leva e Traz.


Se preferir, entre em contato conosco pelo formulário abaixo: