Como tratar giardíase em cães

Mais importante que tratar a Giardíase Canina é preveni-la.

A Giárdia Canina é uma das infecções mais comuns em cães e, também pode ser transmitida para os seres humanos. Os sintomas provocados pela doença podem ser facilmente confundidos, porque causam indisposição e diarreia constante, por isso, é essencial ficar de olho no seu melhor amigo.

O que é a Giardíase Canina?

É uma infecção provocada por um protozoário denominado G Lamblia ouG duodenalis e a transmissão pode ocorrer de maneira direita, por meio de contato com outros animais e indireta, pela ingestão de água ou alimentos que estejam contaminados com o protozoário.

Uma das formas mais comuns de contaminação é quando o seu cachorro fica em local com outros cães como, por exemplo, durante o passeio ou quando ele mastiga objeto ou come alimentos impróprios que possam estar contaminados.

Quais os sintomas da infecção?

Um cão com Giardíase Canina, geralmente, tem diarreia e sangue nas fezes. Também tem muita indisposição, dores abdominais, perda de peso, falta de apetite, vômito e também podem apresentar quadro depressivo, dessa forma, fique de olho e observe o comportamento do seu companheiro. Se notar, qualquer sintoma de irritabilidade, tristeza ou indisposição, é hora de levá-lo ao veterinário.

Diagnóstico da doença

O diagnóstico da Giardíase Canina deve ser feito pelo veterinário e pode ser realizado por exame de fezes, que vai verificar a presença ou não de cistos.

Como é feito o tratamento?

O tratamento deve ser feito por um médico veterinário e, geralmente, é realizado com o uso de antibióticos ou medicamentos específicos para o protozoário.

Além disso, a vermifugação também é indicada e os vermífugos podem ser dados uma vez por ano ou a cada 6 meses, de acordo com a recomendação de um profissional. Outra forma de prevenção é por meio da vacinação.

Porém, muitas vezes, o tratamento não é eficaz, porque o protozoário pode ter se tornado imune ao medicamento ou até o diagnóstico pode estar errado. Por isso, a limpeza do seu melhor amigo também é essencial na prevenção, a fim de evitar a reinfestação.

Mais importante que tratar a Giardíase Canina é preveni-la.

Ao chegar em casa, você já começa a brincar e fazer muito carinho no seu amigo? Antes, é essencial lavar as mãos, pois pode ser que você tenha tocado em algum local contaminado.

Ambientes com muitos animais também devem receber higienização adequada, para eliminar os protozoários. A limpeza pode ser realizada com produtos específicos como água sanitária, por exemplo.

A importância do veterinário

Qualquer suspeita de Giardíase Canina deve ser comunicada ao Veterinário. Leve o seu animal a uma clínica veterinária para avaliar os sintomas e receber o tratamento mais eficaz.

A Clínica Veterinária Da Vinci dispõe de profissionais especializados para dar ao seu companheiro o melhor tratamento. Outro diferencial é que a Clínica Veterinária Da Vinci oferece a melhor infraestrutura para o seu cachorro, além de vários serviços especializados e plantão 24 horas. Para marcar uma consulta ou esclarecer qualquer dúvida é só entrar em contato pelo telefone: 41 3016 2606 e pelo Whatsapp: 41 99663 0331. Saiba mais aqui.

Traga seu pet para a Veterinária Da Vinci, Clínica Veterinária 24 horas em Curitiba.

Vacinas, banho e tosa, castração. Plantão 24 horas para emergências veterinárias, com cirurgia em cães e gatos e internamento para cães e gatos com acompanhamento.

Fone: (41) 3016-2606

Rua Tapajós, 260, Curitiba/PR

Temos Leva e Traz.


Se preferir, entre em contato conosco pelo formulário abaixo: